domingo, 22 de agosto de 2010

Someone's knockin' at the door/ Somebody's ringin' the bell

Touro Sentado



"A 8 de setembro, Touro Sentado e o jovem Casaco Azul chegaram a Bismark para a grande festa. A cavalo, encabeçaram uma parada e, depois, sentaram-se na plataforma dos oradores. Quando Touro Sentado foi apresentado, ele se levantou e começou a fazer seu discurso em sioux. O jovem oficial ouviu espantado. Touro Sentado mudara o floreado texto de boas-vindas.' Odeio toda a gente branca', proferiu. 'Vocês são ladrões e mentirosos. Roubaram nossa terra e nos tornaram párias'. Sabendo que só o oficial do Exército podia compreender o que ele estava dizendo, Touro Sentado fazia, ocasionalmente, uma pausa para os aplausos; inclinava-se, sorria e então lançava mais alguns insultos. Finalmente, sentou-se, e o preocupado oficial tomou  seu lugar. O oficial só tinha uma curta tradução escrita, poucas frases amistosas, mas juntando algumas metáforas índias bem adequadas, fez o público ficar em pé numa ovação estrondosa para Touro Sentado."
                                 (Enterrem meu Coração na Curva do Rio. Dee Brown, p.359, L&PM POCKET)

Nenhum comentário:

Postar um comentário